Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Alertas > Medicações De Uso Contínuo
Início do conteúdo da página

Medicações De Uso Contínuo

A Embaixada do Brasil em Moscou pede aos cidadãos brasileiros residentes na Rússia e aos turistas brasileiros que visitam o país que tomem especial cuidado em relação a remédios de uso contínuo. Alguns medicamentos de uso controlado prescritos no Brasil (por exemplo: Ritalina, Sibutramina, Tramadol) são ilegais na Rússia, mesmo que acompanhados de receita médica.

A posse desses medicamentos em território russo é considerada crime.

Recomendamos aos brasileiros que:

- Caso façam uso de medicamento de uso contínuo prescrito por médico brasileiro, é necessário verificar antes da viagem, mesmo que o medicamento seja permitido no Brasil, se seu uso é permitido na Rússia;

- No caso de turistas, tragam apenas a quantidade a ser utilizada no período da viagem, dentro de caixa que o identifique, acompanhado de receita médica, devidamente apostilada em cartório e traduzida para o russo;

- Para os residentes na Rússia, é recomendado que qualquer medicamento de uso contínuo seja comprado em território russo, com receita emitida por médico russo. Caso o medicamento tenha sido comprado no Brasil, além da recomendação do item anterior, é importante que conste na receita o período de tratamento correspondente à quantidade trazida.

Fim do conteúdo da página