Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Alertas > Requisitos do México para turistas e viajantes a negócios
Início do conteúdo da página

Requisitos do México para turistas e viajantes a negócios

Desde maio de 2013, já não há necessidade de vistos para cidadãos brasileiros que visitem o México em viagens de turismo ou de negócios. A isenção de visto não significa que outros requisitos não possam ser solicitados pelas autoridades mexicanas ao viajante no momento do controle migratório.

O viajante brasileiro deverá, portanto, preparar-se cuidadosamente para sua viagem ao México, trazendo sempre consigo comprovantes impressos da finalidade de sua viagem (turismo ou negócios).

O viajante deverá ter em mãos, quando da verificação migratória no México:

- passaporte com validade mínima de 6 (seis) meses a partir da data pretendida de entrada em território mexicano;

- passagem de regresso ao Brasil impressa ou com destino a outro país, após a visita ao México;

- passagens domésticas impressas (de ônibus, de avião etc.), ou comprovação impressa de aluguel de carro ou contratação de serviço de transporte/turismo, que comprovem os deslocamentos a serem realizados dentro do México;

- prova de meios de subsistência (dinheiro em espécie, preferencialmente dólares norte-americanos ou pesos mexicanos, cartão de crédito internacional, "travellers checks", etc) compatíveis com a quantidade de dias que permanecerão no México;

- turistas deverão portar cópia impressa de comprovante de hospedagem que contenha nome, endereço e telefone do hotel ou "carta-convite" impressa do anfitrião que oferecerá hospedagem (modelo de carta-convite recomendada pelas autoridades mexicanas em https://www.gob.mx/cms/uploads/attachment/file/48325/pdf_recomendaciones_portema.pdf);

- viajantes em negócios deverão portar cópia impressa de comprovante de hospedagem, bem como comprovante impresso de nome, endereço e telefone da empresa com a qual manterá reuniões de negócio, inclusive com nome de funcionário de tal empresa, para contato.

As salas de controle migratórios dos principais aeroportos mexicanos não permitem a conexão de celulares à Internet, razão pela qual nenhum dos documentos comprobatórios mencionados anteriormente deverá ser armazenado apenas em correios eletrônicos ou em "nuvens". Recorda-se que os agentes migratórios poderão ainda solicitar o confisco temporário de aparelhos celulares, pelo que se reitera a necessidade de qualquer documento comprobatório ser providenciado em cópia impressa.

A título de sugestão, os viajantes poderão, ainda:

- portar comprovantes de exercício de profissão ou de rendimentos (carteiras profissionais, comprovantes de rendimentos, contracheques etc.);

- portar passaportes antigos em que haja visto de turismo válido para os EUA.

Recorda-se que:

- a presença, no saguão dos aeroportos mexicanos, de familiares e/ou amigos que hospedarão o brasileiro no México não constitui necessariamente comprovação suficiente para as autoridades migratórias mexicanas, razão pela qual se recomenda ter em mãos carta-convite impressa que ateste a disponibilidade desses indivíduos em hospedar o viajante brasileiro;

- a dispensa de visto aplica-se apenas a viagens de turismo e negócios. Viagens que envolvam estudos, trabalho, voluntariado, reunião familiar e outros tipos de residência temporária necessitam visto prévio, a ser solicitado aos consulados mexicanos no Brasil. A não apresentação de visto adequado, quando do controle migratório no México, acarretará provavelmente o impedimento de entrada do brasileiro e sua devolução ao Brasil no primeiro voo disponível;

- os cidadãos brasileiros deverão evitar qualquer tipo de viagem ao México com eventuais fins de travessia informal ao território dos Estados Unidos da América. Além de configurar delito em ambos os países, a travessia mencionada representada grande perigo de morte para os envolvidos.

Recomenda-se, ademais, consulta às páginas eletrônicas do Consulado-Geral do Brasil no México (cgmexico.itamaraty.gov.br) e da Secretaria de Turismo do México (http:www.sectur.gob.mx/guia-de-viaje/visa/), onde se podem verificar as condições de ingresso no México, além de outras informações úteis para a sua viagem. Os brasileiros que, ao desembarcarem em qualquer ponto no México, tenham problemas no momento do controle migratório poderão solicitar autorização para contatar o Consulado-Geral do Brasil na Cidade do México, pelos seguintes canais:

-Telefone fixo: 55-4160-3953 (chamadas a partir da Cidade do México)
-Plantão: (04455) 3455-3991 (chamadas a partir da Cidade do México)
-(0155) 3455-3991 (chamadas a partir de qualquer outro local no México)
-E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
As ligações a partir de qualquer lugar do Brasil poderão ser feitas da seguinte forma:
-Telefone fixo: (00xx5255) 4160-3953
-Plantão: (00xx52155) 3455-3991 (conta com whatsapp).

Fim do conteúdo da página